“Síndrome de Couvade” e homens grávidos. Conheça.

junho 12, 2017
admin

SITE-Sindrome de couvade

Enjoos, ganho de peso, desejos, crises de choro e até mesmo um início de depressão. Todos estes sintomas comuns às mulheres durante a gravidez podem atingir também seus companheiros. Quando isto acontece, dá-se o nome de Síndrome de Couvade – do francês couver que significa “incubar” ou “chocar”. Também conhecida como Gravidez Simpática ou Gravidez Fantasma, este distúrbio chega a atingir 54% dos futuros pais e ultrapassa as fronteiras biológicas.

Em termos antropológicos, há um costume entre os índios sul-americanos de os maridos se deitarem dias inteiros após o parto de suas esposas. No âmbito da psicologia, os principais responsáveis por isso são a ansiedade e a grande necessidade pela paternidade, somados à forte ligação emocional com a parceira. Descrita por pesquisadores desde a década de 1970, a síndrome é observada com mais frequência em pais de primeira viagem, em casais que tenham passado pelo trauma de um aborto ou naqueles casos cujas mulheres enfrentaram grandes dificuldades para engravidar. Casos em que houve uma gravidez inesperada, com sensações exacerbadas também foram descritos.

Já no campo fisiológico, também foram observadas, nos homens, oscilações hormonais acompanhando a gravidez das companheiras. Todas estas condições podem acarretar náuseas, sobretudo pela manhã, desejos relacionados a alimentos específicos, indigestão, dores nas costas, alterações no sono e, até mesmo, crescimento da barriga semelhante a uma gravidez.

E isto não acontece somente com os seres humanos. Pesquisadores americanos demonstraram que algumas espécies de macacos ganham peso durante a gravidez de suas parceiras e a explicação seria a preparação para o desgaste físico que a criação dos filhotes exigirá, já que os machos costumam carregar os filhos nas costas.

A boa notícia é que não há motivos para preocupação, já que a síndrome não costuma causar distúrbios graves e permanentes. Mas, recomenda-se procurar ajuda médica e psicológica caso os sintomas comecem a fugir do controle e a incomodar não apenas o casal, mas também as pessoas próximas. No mais, deixem os papais sentirem desejos à vontade…

Comentários

comentário(s)

No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *