Quais os tratamentos cirúrgicos para infertilidade masculina?

fevereiro 20, 2019
admin

Quando um casal não consegue engravidar após um ano de tentativas é bom investigar quais são as possíveis causas da demora. Você sabe quais são os problemas mais comuns relacionados à infertilidade que afetam os homens? Conheça mais sobre eles e os tratamentos cirúrgicos indicados nestes casos.

Principais causas de infertilidade masculina

Existe uma estimativa de que 40% dos casos de infertilidade têm relação com a saúde reprodutiva do homem. Em relação às mulheres essa taxa também é de 40%. Os 20% restantes correspondem a problemas em ambos.

A azoospermia caracteriza-se pela ausência total de espermatozoides no líquido ejaculado. Ela pode acontecer pela falta de produção dos espermatozoides nos testículos ou por obstrução dos canais que levam os espermatozoides do testículo até a uretra do homem (ou seja, a produção nesses casos é normal).

Quando a produção de espermatozoides é satisfatória, mas existe uma obstrução nos canais de transporte ou mesmo vasectomia, os espermatozoides podem ser obtidos cirurgicamente para serem usados em tratamentos de fertilidade.

Tratamentos cirúrgicos para infertilidade masculina

Em relação aos homens as principais técnicas realizadas neste tipo de procedimento são:

Reversão de vasectomia

A vasectomia é uma cirurgia indicada como método contraceptivo para casais que não querem mais ter filhos. No entanto, é possível realizar cirurgia para reverter este processo. A vasectomia pode ser corrigida por meio da reanastomose dos ductos deferentes, restaurando a liberação de espermatozoides no líquido ejaculado.

PESA (Aspiração Percutânea de Espermatozoides)

A PESA é a punção do epidídimo com agulha visando aspirar espermatozoides de um bolsão para serem usados no tratamento de fertilização in vitro.

A PESA é uma técnica muito utilizada para pacientes vasectomizados (que não desejarem realizar a cirurgia de reversão) ou com outras causas de obstrução dos ductos ejaculatórios.

TESA (Aspiração de Espermatozoide Testicular)

Esta técnica consiste na punção direta no testículo com uma agulha fina visando obter espermatozoides da amostra extraída para que sejam utilizados na FIV. Essa cirurgia é indicada para os casos em que quando espermatozoides não foram encontrados no epidídimo.

Todas as técnicas possuem baixo risco e geralmente o paciente tem alta no mesmo dia em que faz o procedimento.

Micro-TESE (Extração micro-cirúrgica de espermatozoide Espermatozóide Testicular)

É uma dissecção com auxílio de microscópio feita diretamente no testículo para extrair espermatozoides em homens com problemas graves na produção. É feita sob anestesia geral do paciente e no Hospital. Os espermatozoides capturados são colocados em cultura para serem usados na FIV, geralmente no mesmo dia ou no dia seguinte.

Como saber se o homem é infértil?

Caso o casal demore mais de um ano para engravidar é importante consultar um especialista em saúde reprodutiva. Ele poderá solicitar os exames necessários e investigar as possíveis razões que dificultam a gravidez. O médico avaliará todas as condições de saúde do homem que podem afetar a sua fertilidade por meio da realização de exames como o espermograma, por exemplo. O ideal é não adiar demais a investigação das causas de dificuldade de engravidar do casal.

Comentários

comentário(s)