O que você pode controlar na sua vida que afeta sua fertilidade?

maio 02, 2019
admin

Você já pensou que existem certos fatores do seu dia a dia que podem ter impacto direto nos processos reprodutivos? Ainda que isso pareça preocupante, o lado bom é que estamos falando de condições sob as quais você tem controle. Por isso, conheça o que é possível cuidar na sua vida que afeta sua fertilidade.

Informações importantes

É fato que a fertilidade da mulher diminui com o aumento da idade. Isso porque cada uma delas chega à puberdade com certa quantidade de óvulos, que são eliminados a cada ciclo menstrual e sem reposição. A questão é que fatores externos também têm impacto direto na fertilidade feminina, mas é possível tomar cuidado a fim de não diminuir essa capacidade.

Peso

Tanto a obesidade quanto a magreza excessiva podem afetar a fertilidade. No caso do peso excessivo, isso provoca uma alteração no metabolismo dos hormônios esteroides (como o estrogênio), com efeitos na menstruação e na receptividade do endométrio, por exemplo. Já em relação ao baixo índice de massa corpórea, o organismo tem sua capacidade de produção hormonal diminuída.

Estresse

Esse estado de excitação é uma reação natural do organismo a situações de tensão. O problema é quando elas acontecem em excesso, causadas pelo trabalho ou pela rotina agitada. Como o estresse afeta o corpo de maneira geral, isso pode ter impactos na diminuição da fertilidade e resultados perinatais insatisfatórios. Nesse caso, buscar meios para evitar essa situação é fundamental.

Distúrbios na tireoide

A tireoide é uma glândula localizada na parte anterior ao pescoço e possui ação fundamental no bom funcionamento do organismo em geral. Muitas mulheres podem ter problemas em relação a baixa produção de hormônios dessa estrutura (o hipotireoidismo), que pode levar à queda de fertilidade se não for tratada de forma correta.

Tabagismo

O excesso de cigarro pode causar diversos males para a saúde como um todo. Em relação à fertilidade, as substâncias presentes no fumo possuem impactos bastante negativos, desde o aceleramento da menopausa até problemas nos ovários e perdas gestacionais. Neste caso, a melhor e única solução é parar de fumar, algo essencial tanto para mulheres quanto para homens.

DSTs

As doenças sexualmente transmissíveis não apenas causam dores e incômodos nas partes íntimas da mulher, como também apresentam impactos negativos na fertilidade. Esse tipo de problema afeta a resposta inflamatória e imunológica do organismo, com efeitos no funcionamento da parte pélvica, especialmente a diminuição da fertilidade. Para evitar as DSTs, é essencial a prevenção, como uso de preservativos nas relações sexuais.

O que fazer nesses casos?

Caso você e seu parceiro estejam planejando ter filhos, é importante fazer uma avaliação do seu estado atual e ver quais situações podem necessitar de ajustes. O excesso de trabalho, por exemplo, geralmente causa estresse e ansiedade, com efeitos no organismo. De qualquer maneira, procure seu médico para entender seu quadro e os impactos do seu estilo de vida na fertilidade.

Quer saber mais sobre outros fatores que podem afetar a fertilidade? Visite o nosso site e tenha acesso a mais conteúdos sobre esse e outros temas relacionados.

Comentários

comentário(s)