Conheça os sinais que indicam o sucesso da inseminação

Você esperou um bom tempo para engravidar e decidiu fazer a inseminação intrauterina. Depois disso, vem aquela ansiedade: será que o procedimento deu certo? Veja, abaixo, alguns sinais que identificam que correu tudo bem no processo.

O que a mulher sente após a implantação?

A inseminação intrauterina é uma das técnicas mais simples indicada para o casal que não consegue engravidar. Ela consiste na colocação dos espermatozoides selecionados diretamente no útero da mulher. Depois de realizado o procedimento, pode ser que o corpo dê alguns sinais de que tudo correu bem. Esses sinais são os mesmos que uma mulher sente ao ter uma gravidez de forma natural. Ou seja, o primeiro sinal é a ausência de menstruação ou qualquer sangramento antes da data esperada da próxima menstruação. Eventualmente, se houver um sangramento mínimo e que cessa espontaneamente próximo ao dia do que seria seu próximo ciclo menstrual isso pode ser favorável – chamamos isso de “hemorragia da implantação”.

É importante frisar que nem todas as mulheres sentem alguma coisa nesse momento. É muito comum vermos em filmes mulheres que descobrem a gravidez por conta de enjoos e náuseas, mas isso não é verdade porque esses sintomas só aparecem algum tempo depois do atraso menstrual. Nas primeiras semanas de gravidez o mais comum é que haja pouco ou nenhum sintoma!

No caso da inseminação, algumas podem apresentar sinais parecidos com os da TPM como cólicas abdominais e inchaço. Também são relatados sinais como sensibilidade aumentada ou dores nas mamas e cansaço.

É possível ter certeza de gravidez antes da visita ao médico?

Apesar de existirem alguns sinais de que a gravidez aconteceu, é preciso esperar a época correta para realizar o ß HCG no sangue – esse sim é a primeira confirmação que a gravidez ocorreu. A realização de testes de farmácia antes nesse período normalmente mostra resultados falsos negativo, ou seja, a mulher pensa que não está grávida porque os hormônios ainda não estão em quantidade suficiente para serem detectados. O ideal é controlar a ansiedade e esperar o prazo dado para a realização do exame de sangue.

Exame de sangue: a resposta definitiva

Após a realização do procedimento, o médico vai indicar o dia do retorno para que realize o exame de sangue. O HCG é produzido exclusivamente quando a mulher está grávida. Geralmente o exame é feito após 12 a 15 dias da inseminação.

Após a realização do procedimento, a mulher deve tomar os mesmos cuidados que tomaria caso tivesse uma gravidez com método natural. No entanto, alguns casos precisam de atenção especial. Mulheres com idade mais avançada ou com algum tipo de problema nos órgãos reprodutores podem ter indicação médica de repouso, abstinência sexual ou outras recomendações. É importante seguir todos os cuidados rigorosamente para aumentar as chances de que o procedimento dê certo.

Lembre-se que cada organismo é diferente do outro, por isso não se preocupe se você não identificar nenhum sinal de gravidez antes da consulta.

Para saber mais sobre como funciona a inseminação intrauterina, acesse outros artigos do nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Como o assisted hatching ajuda na implantação do embrião?
Próximo post
Conheça os alimentos que podem influenciar sua fertilidade
Menu