Quer engravidar? Alguns alimentos ajudam

outubro 27, 2015
admin
Alimentos que ajudam na fertilização

A alimentação saudável promove uma série de benefícios, todos sabemos. Mas, para os casais que estão planejando a gravidez é importante saber que existem alimentos certos que ajudam os sistemas reprodutivos de homens e mulheres: a chamada “dieta da fertilidade”.

Para elas, passar a consumir alimentos saudáveis ajuda a preparar mais rápido o corpo para a gestação. Para os homens, a alimentação adequada produzirá melhores espermatozoides, evitando doenças congênitas.

O estilo de vida também é decisivo para a saúde e, quando o assunto é “ter um bebê”, há que se revisar esses pontos da vida, como o estresse, o sedentarismo, as rotinas profissionais, ansiedade e, fundamentalmente, os hábitos alimentares, que muitas vezes não recebem as devidas atenções.

Algumas mudanças na alimentação do dia a dia podem, de fato, equilibrar o bom funcionamento do organismo como um todo, o que impacta diretamente na capacidade reprodutiva de ambos os sexos.

Vegetarianos 

Homens e mulheres vegetarianos também precisam rever as regras alimentares na época em que decidirem engravidar. O ideal é procurar um médico ou nutricionista para avaliar bem a situação. 

Em alguns casos pode haver a necessidade de compensar a carência de alguns nutrientes. e feijão. 

O que evitar? 

Para que o organismo não sofra os efeitos de uma alimentação desequilibrada, é preciso ter alguns cuidados. O sal em excesso e os temperos prontos, por exemplo, prejudicam a circulação sanguínea, aumentam a retenção de líquidos e, consequentemente, resultam em toxinas acumuladas. 

Produtos industrializados e prontos como congelados, hambúrgueres e pizzas devem ser evitados, pois são ricos em sódio e deficientes em vitaminas, minerais e antioxidantes, importantes e fundamentais para a fertilidade. 

Boas fontes para fertilidade 

Abaixo, os minerais e vitaminas e seus efeitos no aparelho reprodutor masculino e feminino, assim como em quais alimentos podemos encontrá-los: 

Licopeno – Antioxidante que atua na regulação hormonal dos ovários, o que pode colaborar na regulação do ciclo ovulatório: tomate, caqui, pitanga, morango, melancia, goiaba vermelha. 

Ômega 3 e 6 – Ação anti-inflamatória e proteção do aparelho reprodutor feminino: azeite, oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas, semente de abóbora, macadâmia, etc), linhaça; peixes (salmão, atum, sardinhas, anchovas).


Vitamina E – Melhora as funções do endométrio e do útero, e aumenta a vascularização da região. Para o homem, esta vitamina melhora a qualidade dos espermatozoides: oleaginosas, grãos integrais, óleos vegetais, grão de soja, couve, agrião, azeitonas, leite enriquecido.

Ferro – Importante para a formação dos glóbulos vermelhos, estimula a circulação sanguínea, o que colabora para a ovulação: carne, vegetais verdes escuros, leguminosas.

Zinco – Mineral importante para o casal, pois ele é fundamental na produção dos espermatozoides e contribui com os hormônios femininos: nozes, carne bovina, gérmen de trigo, ostras, feijão. 

Comentários

comentário(s)

No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>